Fotos

Photographer's Note

O Palácio Tiradentes, projetado por Oscar Niemeyer, é considerado uma das obras mais ousadas do arquiteto em 70 anos de carreira. A edificação, com quatro pavimentos, é o maior prédio suspenso do mundo, com um vão livre de 147 metros de comprimento e 26 de largura. O engenheiro José Carlos Sussekind, responsável pelos cálculos do prédio, destaca o ineditismo do projeto. "Ele não tem nenhum apoio. É um prédio único, pois tem quatro andares, é envidraçado e de concreto armado. Fora do país não temos referências de projetos semelhantes, pois os arquitetos ainda não se atreveram a tanto. As referências que temos são projetos do próprio Oscar Niemeyer feitos no Brasil, como o prédio da Procuradoria-Geral da República, em Brasília, que tem um vão de 40 metros, e o Museu Nacional de Brasília, com uma cúpula de 80 metros. E em São Paulo temos o MASP, projetado por Lina Bo Bardi, com um vão livre de 80 metros".

O prédio foi construído sobre 30 pilares metálicos provisórios, que permitiram a realização da obra na ordem natural, do primeiro pavimento até a cobertura. Com a retirada dos pilares, o edifício passou a ser totalmente sustentado por 30 tirantes, formados por três conjuntos de 12 cabos de aço. Os cabos estão presos em 15 vigas de concreto de 20 metros de comprimento e 3,4 metros de altura, localizadas na parte superior, e apoiadas em dois grandes pórticos paralelos de concreto armado. De acordo com o engenheiro João Eduardo Dutra, coordenador das obras da Sede do Governo, a estrutura do prédio foi concebida para suportar uma carga de até 34 mil toneladas.

Antes da fase de acabamento do prédio, teve início o processo de transferência gradual da carga dos pavimentos – até então aplicada nos pilares provisórios – para os cabos de aço, sustentados pelos pórticos e pela cobertura do prédio, o que deixou o prédio suspenso. O processo de migração das cargas durou 30 dias e foi minuciosamente monitorado pelos engenheiros e técnicos responsáveis. Contra as ações do vento, a estabilidade do bloco de concreto suspenso é garantida com o apoio das passarelas de acesso, que fazem ligação com a torre de elevadores e com o heliponto.

Fonte: www.cidadeadministrativa.mg.gov.br

All Rights Reserved: Lucas Vieira Copyright. Use in any form is forbiden without the written permission of the photographer.

Direitos Autorais Reservados: A presente fotografia é obra intelectual protegida pela lei 9610/98 sendo proibida a reprodução por qualquer meio sem a prévia autorização por escrito do autor. Favor contatar Lucas Vieira.

gervaso, Docarmo, Bluejeans, gilbertom, andre_luizs, celmaleite marcou esta nota como útil

Photo Information
Viewed: 16530
Points: 168
Discussions
Additional Photos by Lucas Vieira (lucasgalodoido) Gold Star Critiquer/Gold Star Workshop Editor/Gold Note Writer [C: 5786 W: 190 N: 7390] (26028)
View More Pictures
explore TREKEARTH