Fotos

Photographer's Note

Castanheiro

Estamos perante uma árvore da família das Fagáceas, da sua-família Castaneoideas e do género Castanea. Este género é constituído por muitas espécies. Engloba nada mais, nada menos do que 12, espalhadas por várias partes do mundo. A mais importante de todas é o nosso castanheiro - Castanea sativa.
O castanheiro é uma árvore longeva, de folha caduca, que pode atingir mais de um milhar de anos de idade. As suas folhas têm entre 10 a 20 centímetros, são dentadas, mais claras na página inferior e translúcidas quando trespassadas pela luz solar. Os seus frutos são as conhecidas e apreciadas castanhas.
Aos 8, 10 anos de idade, o castanheiro já dá fruto, no entanto só depois dos 20 é que a frutificação passa a ser um fenómeno regular. A sua produção mantém-se elevada mesmo quando já está em idade avançada (o que significa 600 anos de idade ou mais). Até aos 50 a 60 anos de idade, o seu crescimento é bastante rápido, retardando depois até ao fim da vida. Pode atingir os 45 metros de altura e a sua copa pode chegar aos 30 a 40 metros de diâmetro.
Existem 2 tipos de castanheiro - o bravo e o manso - consoante a forma de regeneração e o tipo de exploração que se pretende. A um povoamento de castanheiros mansos, vocacionados para produzir castanhas, dá-se o nome de "souto" e a um povoamento vocacionado para produzir madeira, dá-se frequentemente o nome de "castiçal".
Em Portugal continental, o castanheiro está espalhado um pouco por todo o país, muito embora se tenha assistido durante este século a uma clara diminuição da área ocupada por esta espécie. Hoje em dia, a sua presença mais significativa verifica-se na região a norte do Tejo. É essencialmente em zonas com altitudes superiores a 500 metros e com baixas temperaturas no inverno, que esta árvore encontra as condições necessárias para o seu desenvolvimento. É o que acontece nos distritos de Vila Real, Bragança, Guarda e Alto Alentejo. Em Portugal, a área total de castanheiro ronda presentemente os 35 mil hectares.
Ao nível de povoamentos, há a destacar a região do noroeste transmontano, onde existem cerca de 12.500 ha e a serra de S. Mamede, considerada "um verdadeiro santuário do castanheiro".

http://valpacos.no.sapo.pt

Nikon D40X
2010/08/22 07:52:41.3
Compressed RAW (12-bit)
Image Size: Large (3872 x 2592)
Color
Lens: 10-24mm F/3.5-4.5 G
Focal Length: 10mm
Exposure Mode: Manual
Metering Mode: Spot
1/20 sec - F/13
Exposure Comp.: +0.3 EV
Sensitivity: ISO 100
Optimize Image: Custom
White Balance: Auto
AF Mode: Manual
Color Mode: Mode IIIa (sRGB)
Tone Comp.: More Contrast
Hue Adjustment: +3°
Saturation: Enhanced
Sharpening: Medium high
Long Exposure NR: Off
VR Control: Off
High ISO NR: Off

Reserved copyrights: The present photograph is intellectual workmanship protected by law 9610/98 being forbidden to the reproduction for any way without the previous authorization in writing it author. Please contact Gonçalo Lopes

Docarmo, wgreis marcou esta nota como útil

Photo Information
Viewed: 1946
Points: 56
Discussions
  • None
Additional Photos by Goncalo Lopes (Bluejeans) Gold Star Critiquer/Gold Star Workshop Editor/Gold Note Writer [C: 9250 W: 115 N: 13285] (64251)
View More Pictures
explore TREKEARTH